sexta-feira, 4 de março de 2016

#MeuCabeloNãoÉRuim

Celli Cristo


Oi meninas! Hoje eu to aqui pra falar de algo que tem me deixado revoltada!! Sério! É cada coisa, que acho que preconceito é pouco pra definir... Há algum tempo atrás eu fiz esse post falando sobre cabelo black, transição e a coragem de algumas meninas de assumir o cabelo natural, coragem essa que eu não tenho, mas não é só questão de coragem e vocês sabem disso. Já falei em alguns lugares que sou totalmente adepta e a favor da "liberdade capilar", porém liberdade pra mim não é aderir à ditadura do cabelo natural, muito pelo contrário, liberdade pra mim é usar o cabelo que quiser, o cabelo que te faz se sentir bem e não se obrigar a usar esse ou aquele cabelo porque alguém disse que tem que ser assim. Mas eu seria muito hipócrita se dissesse que a vida de quem assume o cabelo natural e esse natural é crespo, ou cacheado é fácil, tenho visto cada comentário que é lamentável! 

Brunielly Keith / Heliada Maressa / Rayza Nicácio

E se eu disser pra vocês que uma das minhas amigas que fez transição chegou a ouvir que agora que tá com "esse cabelo" ta se achando demais, que ficou metida e mais um monte de asneiras!! Sabe o que eu penso? Ela não está se achando, ela simplesmente está feliz e satisfeita com a aparência, isso faz com que pessoas, que talvez não são felizes assim, sintam inveja e tentem puxar a pessoa pra baixo, mas quer saber... não é só cabelo, a verdade é que envolve muito mais, envolve auto estima, psicológico, etc... E pra essa minha amiga só digo uma coisa: Se sinta, pois você está linda com o que chamam de "esse cabelo"!! 
Uma coisa que ouvi também e não consegui digerir, foi que outra amiga foi demitida de uma escola de línguas bem famosinha na cidade por, segundo a mãe dela, ser negra e ter o cabelo assim, o que não quer dizer que compactue com tal fato, mas o cabelo já tinha sido tema de assunto no tal emprego, afinal lá exige que as funcionárias usem o cabelo "arrumado", sim com aspas, porque na boa, o que é arrumado pra vocês? Será que pra eles cabelo "arrumado" pra eles é chapado? Liso? Sem volume ou o que? Na verdade foi apenas PRECONCEITO, sim! E descarado ainda!

Heliada Maressa / Hellen Cristiny

E não é só isso, uma outra garota foi tema de um grupinho em sua classe na faculdade que diziam que o cabelo dela precisava de creme, ou ser cortado, ou arrumado, e mais uma vez entro nessa questão do "arrumado", o que será isso? Disseram que o cabelo dela é ruim, e eu pergunto o que é um cabelo ruim?? Pois é, são muitas perguntas sem respostas cabíveis não é mesmo? Mas ela respondeu, não à altura, mas pra mim, a milhares de níveis acima! Ao preconceito sofrido ela respondeu com poesia, e isso viralizou e se tornou uma campanha linda na internet com a #MEUCABELONAOÉRUIM  que inclusive trouxe como título da publicação. Vejam:


Sabe o que rola? Cada um ser feliz e se sentir meeeesmo com seu cabelo, auto estima purifica a alma! E sei que alguém pode dizer que eu não tenho direito de falar nada com meu cabelo loiro, com um mega lindo e liso! Posso sim, sabe por quê? Porque esse é o cabelo que me faz sentir bem, sentir bonita, com a auto estima elevada, e se você tem vontade de deixar seu cabelo natural, deixe! Se quiser alisar até ficar tão liso quanto uma japa, alise! Se quiser raspar de um lado, raspe! Se quiser colorir de azul, colora! Você tem o direito e você merece!!
Hoje é isso meninas, desculpa se o texto ficou um pouco longo mas algumas coisas precisavam ser ditas!! Não se esqueçam de dar aquele like na nossa Fanpage, afinal lá estão todas as novidades do Blog! E não se esqueçam do nosso Canal que sempre que possível tem videos novos!! bjinhos!